Estado traz Nelma Figueiredo no DOE em nomeação de cargo

0
143
Nome de Magnelma Maria Figueiredo Vicente apareceu como 'agente de programas governamentais 1' (Foto: Reprodução)

Nelma Figueiredo morreu em março de 2018, vítima de um câncer de pulmão, aos 53 anos, e tinha mais de 30 anos de jornalismo

A edição dessa sexta-feira (4) do Diário Oficial do Estado da Paraíba traz a nomeação da jornalista Nelma Figueiredo para um cargo no governo. Nelma morreu em março de 2018, vítima de um câncer no pulmão, aos 53 anos.

O nome de Magnelma Maria Figueiredo Vicente apareceu como ‘agente de programas governamentais 1’, conforme a publicação (veja a imagem acima).

Apesar do erro, até as 12h06 deste sábado (5), a edição do DOE com o nome da jornalista permanecia no ar. Veja aqui, em quadro na página 2.

O secretário de Comunicação do Estado, Luís Torres, foi procurado para explicar o problema, mas não respondeu às solicitações de contato do Portal Correio até a publicação desta matéria.

Nelma Figueiredo tinha mais de 30 anos no jornalismo paraibano, com passagens pelas TVs Correio, O Norte, Cabo Branco e Tambaú, além de 28 anos de assessoria no Detran-PB. Ela deixou dois filhos e uma neta.

Fonte: portalcorreio