MPF investiga Carrefour por vender combustível abaixo do preço de mercado na Paraíba

0
711

O supermercado Carrefour está sendo investigado pelo Ministério Público Federal (MPF) na Paraíba pela suposta prática de “dumping”, que se configura quando uma empresa vende determinado produto muito abaixo do valor de mercado com objetivo de eliminar ou prejudicar a concorrência.

A abertura do inquérito civil pelo MPF foi publicada no Diário Eletrônico do órgão nesta terça-feira (26). Ainda segundo o MPF, o supermercado é suspeito de vender combustível em preço inferior ao praticado na maior partes dos postos na região da Grande João Pessoa.

Em nota, a assessoria do Carrefour informou ao G1 que a empresa vai se manifestar nos autos do processo instaurado pelo MPF. “A empresa informa que se manifesta nos autos do processo e reforça que opera sempre em linha com a legislação vigente, respeitando a livre concorrência de mercado”, informa a nota.

Ainda de acordo com o MPF, foi solicitada manifestação sobre o caso e o advogado da representada requereu a dilação de prazo e que ainda não foram prestadas informações. O prazo para envio da resposta esgotou e por esse motivo a procuradoria da república na Paraíba julgou necessário o inquérito.

O procedimento é assinado pelo procurador da república Werton Magalhães.

G1